Instrução e Educação

Escrito por Assessoria Parlamentar

Instrução e Educação.

Muitos pais encaminham seus filhos para a escola, acreditando que esta instituição os educará. E é aí que eles se enganam gravemente, pois a missão da escola não é a de educar, mas, sim, a de instruir.

007-instrucaoeducacao

Educação aprendemos em casa, e não podemos delegá-la à escola pela simples razão de que o aluno é transitório, mas o filho é para sempre.

A educação de um indivíduo ocupa todo o tempo de sua vida e é resultado de um trabalho árduo, em conjunto com a família, a escola e a sociedade.

Não há razão, portanto, para ficar a cargo somente da escola a tarefa de educar a criança. Esta incumbência pertence à família, cuja obrigação é semear nos filhos os princípios da verdade, do respeito e do caráter.

“A escola jamais vai desempenhar o papel dos pais. Educação se aprende em casa e é indelegável.”

É essa educação que lança as boas sementes ao solo, que faz crescer a árvore sã, a qual dará, a seu tempo, os bons frutos. E são desses bons frutos de que a sociedade precisa.

Por isso, uma vez entendidas as importantes diferenças entre educar e instruir, e, bem assim, a quem incumbe cada uma dessas obrigações, fica claro que a sociedade precisa repensar a forma como cuida de nossas crianças.

É preciso que as famílias tomem para si, verdadeiramente, a tarefa de dar às crianças a educação que constrói o seu caráter.

Antonio Bulhões
Deputado Federal / PRB-SP

Versão em PDF