Apoio ao Protagonismo Infanto-Juvenil

Escrito por Assessoria Parlamentar

APOIO AO PROTAGONISMO INFANTO-JUVENIL

2017-05-09 Apoio ao Protagonismo Infanto-Juvenil

Tema: Principais metas da Frente Parlamentar Mista de Apoio ao Protagonismo Infanto-Juvenil, presidida pelo orador em conjunto com o Senador Antonio Carlos Valadares.

Data: 09/05/2017
Sessão: 107.3.55.O
Hora: 19:00

O SR. ANTONIO BULHÕES / PRB-SP, pronuncia o seguinte discurso:

Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, que empreendem esforços e talentos para ajudar e incentivar jovens no caminho da afirmação pessoal, inicialmente, devo dizer que me sinto extremamente honrado por ter sido escolhido pelos meus pares para exercer a Presidência conjunta, com o Senador Antonio Carlos Valadares, da Frente Parlamentar Mista de Apoio ao Protagonismo Infanto-Juvenil.

Devemos entender que a meta do protagonismo não é a desta frente. O objetivo nosso é articular meios para que os jovens possam se levantar e caminhar por si próprios, em direção a um futuro de realizações.

O nosso escopo será buscar articular meios de educação e de atividades, que ajudem, principalmente, os jovens em situação de vulnerabilidade social, a entender que é pela própria inciativa e pelo ânimo natural que descobrirão o caminho para o progresso pessoal.

De maneira mais diretamente, a articulação da nossa frente coordenará medidas legislativas, para fomentar a iniciativa privada para uma atitude mais proativa em relação à responsabilidade social, como o nosso estatuto já aprovado orienta. A articulação poderá ser feita aqui mesmo no Congresso Nacional, com simpósio, congressos, para os quais convidaremos representantes também da sociedade civil.

Com a articulação, este fórum também abraçará a atividade de uma Ouvidoria. Como nós, Parlamentares, bem sabemos, porque exercitamos isso diariamente, também teremos a função de ouvir os jovens individualmente e as sociedades beneficentes sobre o melhor modo de como esta frente poderá ajuda-los no aperfeiçoamento de suas ações. A partir do universo de conhecimentos que iremos alcançar com esta nova inter-relação, poderemos chegar a consensos em matérias legislativas para implantação de políticas públicas em favor do protagonismo dos jovens brasileiros.

Posso ser otimista demais, mas o título desta Frente Parlamentar, para mim, sinaliza uma nova onda que surge no Brasil. É uma nova mentalidade que vem espalhando-se pela estrada veloz da Internet.

Ainda há pouco tempo, todos achávamos que seria o Estado a entidade obrigada a levar o pão à boca de todos. Parece que as redes sociais mudaram isso. Talvez pelo exemplo do sucesso de alguns que conquistaram o protagonismo da própria vida, vemos hoje pesquisas mostrando que os jovens acham que é mais importante o mérito pessoal do que assistência do Estado.

Essa é uma mentalidade que poucos puderam intuir como uma nova onda. Ela está aí; e os representantes do povo precisarão compreender essa nova realidade.

Essa realidade é um campo muito aberto para um grupo que tenha pretensão de regular e direcionar o caminho. Não será a nossa intenção. Sabemos que ninguém tem a certeza do que o futuro reserva.

O que a frente pode e pretende realizar é prático, como quando fizemos a solicitação ao Ministério do Trabalho para viabilizar o apoio institucional para as Escolas Técnicas elaborarem cursos profissionais voltados para as empresas contratarem jovens aprendizes. Também fomentar parcerias e intercâmbios com instituições centradas no desenvolvimento do empreendedorismo. Seria uma função de coordenação de meios práticos, a fim de que os jovens tenham mais arcabouços para serem eles próprios os protagonistas da própria vida.

Será uma frente para incentivar os jovens de que ele é o realizador do seu destino e que ele pode crescer se optar por ser uma pessoa com iniciativa.

Sejam bem-vindos todos os apoiadores de um movimento em prol do protagonismo do jovem brasileiro.

Muito obrigado.

ANTONIO BULHÕES
Deputado Federal / PRB-SP